Telefone: (54) 3313.6325

Notícias

06 de março de 2020 às 17:03 / Notícias

CNS lança documentário SUS em Defesa da Vida durante Oficinas de Formação para o Controle Social

O lançamento ocorreu em Santa Maria (RS) e faz parte da 2ª edição do Projeto Oficinas de Formação para o Controle Social no SUS

O Conselho Nacional de Saúde (CNS) e o Centro de Educação e Assessoramento Popular (Ceap) lançaram nesta terça (03/03), em Santa Maria (RS), o documentário curta-metragem SUS em Defesa da Vida. Produzido e dirigido por Guilherme Castro, o filme retrata, a partir de diversos personagens e situações, a abrangência e a importância do Sistema Único de Saúde (SUS) na vida de todos os brasileiros e brasileiras.

O lançamento faz parte da 2ª edição do Projeto Oficinas de Formação para o Controle Social no SUS, promovido pelo Ceap e pelo CNS. Até julho deste ano, a iniciativa percorrerá 84 cidades brasileiras e deverá atender cerca de 2.500 pessoas.

A proposta é tornar os participantes das oficinas sujeitos sociais capazes de deliberar sobre as políticas públicas, desenvolvendo também o intercâmbio de experiências sobre o Controle Social. O documentário integra o material didático das oficinas e será apresentado em todas as edições. Também será exibido em universidades e comunidades, com a finalidade de estender à população a necessidade de defender o sistema público de saúde, com informação e conhecimento.

“A realidade impõe uma tomada de posição da arte e da cultura. Tempos atrás exigia-se uma neutralidade do documentarista e evidentemente isso mudou. Vimos que o Oscar foi luta de classes, o Carnaval foi luta de classes e agora é a vez da arte organizar entendimentos no mundo. Estou muito satisfeito de participar de um projeto dessa envergadura em defesa do SUS”, afirma Guilherme.

Controle Social no SUS

Na solenidade de lançamento, o presidente do CNS, Fernando Pigatto, destacou que o Controle Social está na origem do SUS para garantir os princípios de universalidade, equidade e integralidade. “Porém, estamos diante de sérias ameaças e precisamos que o Controle Social esteja cada vez mais ativo. Não dá para ficarmos de braços cruzados. Por isso, precisamos estar cada vez mais unidos, lutando no nosso dia a dia”, afirmou.

Com a finalidade de alcançar cada vez mais pessoas com compromisso em defender a democracia, o SUS e o Controle Social, entre os principais objetivos das oficinas está a criação de uma rede de multiplicadores.

“Esse projeto é uma aposta para mantermos o SUS vivo em cada canto do nosso país, ampliando nossa capacidade de resistência e mobilização. É uma possibilidade de, coletivamente, enfrentarmos os tempos difíceis que estamos vivendo, onde a democracia se encontra por um fio e o estado brasileiro se desresponsabiliza do seu papel de proteção social”, disse Sueli Barrios, conselheira nacional de saúde e coordenadora da Comissão de Educação Permanente para o Controle Social do SUS.

“Somos parceiros na construção dessa rede de conselhos, porque queremos realizar a multiplicação deste conhecimento e barrarmos os ataques ao controle social”, completou a presidenta do Conselho Municipal de Saúde de Santa Maria, Marian Noal Moro.

Fortalecimento da participação

O Ceap atua numa perspectiva de construção e fortalecimento de sujeitos sociais populares para a construção coletiva do conhecimento. “Defender o SUS hoje vai além de defender a Saúde, é defender o ser humano enquanto cidadão, com direitos a todas as políticas públicas que possam promover Saúde.

Para nós, é uma grande satisfação estar aqui”, afirmou Elenice Pastore, diretora geral do Ceap. Com sede em Passo Fundo (RS), o Ceap também se articula com diferentes entidades de educação na América Latina e Caribe. Saiba mais sobre as oficinas em www.formacontrolesocial.org.br.

Novidades por E-mail

Receba nosso informativo
por e-mail e fique atualizado.

Passo Fundo, Rio Grande do Sul
Rua Anibal Bilhar, 865 - Vila Lucas Araújo - CEP 99074-470
Telefone: (54) 3313.6325
E-mail: ceap@ceap-rs.org.br